Por quê fazemos coisas estúpidas? Nós traímos...

por Live Science Staff - tradução e adaptação: Marcus Sanzi

GettyImages-613145836.jpg

3. Nós traímos....

Poucos traços humanos são mais fascinantes.

Embora a maioria das pessoas diga que a honestidade é uma virtude, quase um em cada cinco americanos pensa que enganar os impostos é moralmente aceitável ou não é uma questão moral, de acordo com uma pesquisa do Pew Research Center. Cerca de 10 por cento são igualmente ambivalentes sobre trapacear um cônjuge.

As pessoas que defendem elevados padrões morais estão entre as mais fraudulentas, demonstraram estudos. Os piores trapaceiros tendem a ser aqueles com moral elevada que também, de alguma forma torcida, consideram a trapaça como um comportamento eticamente justificável em determinadas situações.

Celebridades e os políticos que se expressam como líderes morais, acabam por enganar seus cônjuges  e isso  tornou-se um ato desenfreado. O comportamento tem uma explicação simples, dizem os especialistas: os homens estão desenvolvidos para querer sexo, muito sexo, e são mais passíveis de trair, do que as mulheres.  Esse comportamento pode ser particularmente mais provável em homens com algum tipo de poder.

GettyImages-465416113.jpg

"As pessoas não necessariamente praticam o que pregam", diz Lawrence Josephs, psicólogo clínico da Universidade Adelphi, em Nova York. "Não está claro até que ponto os valores éticos das pessoas estão realmente demonstrando o que elas fazem ou não fazem".

Os especialistas dizem que existem duas razões principais pelas quais as pessoas enganam seus cônjuges: ou se aborrecem com sua vida sexual ou estão infelizes com sua relação. Um estudo de 2015 descobriu que, uma pessoa que é economicamente dependente do seu cônjuge tem mais probabilidade de trair do que aqueles em um relacionamento financeiramente equitativo.

No próximo artigo, iremos explorar a necessidade que temos de nos apegar a maus hábitos.

 


A Busca do Sentido da Vida Começa Aqui!

 

Higeia Espaço Cultural e Terapêutico

Rua Teodoro Sampaio, 352, conj. 48

Tel: (11) 98383-3837 - email: info@higeiasaude.com.br